A população da Geração Z está crescendo e, em breve, ela será um dos maiores grupos no local de trabalho. E o que isso acarreta para as empresas? A necessidade urgente de adaptação às demandas dessa geração, caso contrário, correm o risco de ficarem para trás.

Mas calma, RH! Neste artigo, você encontrará tudo o que precisa saber sobre a Geração Z no mercado de trabalho. 

Vamos lá?

Por que a Geração Z é importante?

A Geração Z inclui qualquer pessoa nascida entre 1996 e 2010 e é a maior geração, abrangendo quase um terço (32%) da população mundial. Esses jovens se destacam por suas ambições únicas, impulsionadas por uma forte ligação com a tecnologia e uma preocupação notável com o futuro do planeta.

Como nativos digitais, eles possuem características distintas que os diferenciam das gerações anteriores, refletindo em seus padrões de consumo, formas de se comunicar e expectativas em relação à carreira. Com isso, suas necessidades e desejos no ambiente de trabalho também passam por transformações. Continue a leitura para saber mais!

Características da Geração Z

Veja a seguir algumas das principais características que diferenciam essa geração da anterior:

Geração tecnológica

A Geração Z, ou “Gen Z”, é notavelmente marcada por sua relação intrínseca com a tecnologia. Como a primeira geração considerada “nativa digital”, essa turma cresceu em um mundo já conectado, repleto de internet, dispositivos móveis, telas sensíveis ao toque e redes sociais.

A familiaridade natural com a tecnologia traz consigo aspectos positivos e desafios. Por um lado, a Gen Z tem o mundo na ponta dos dedos, facilitando a pesquisa independente e o aprendizado autônomo. Contudo, essa exposição constante pode levá-los a se entediarem facilmente, especialmente com tarefas repetitivas que poderiam ser automatizadas.

Diversidade é lei

Para além da sua expressiva representação numérica, a Geração Z se destaca por ser a mais diversificada até agora. Cerca de 48% da Gen Z se identifica como racial ou etnicamente diversa, marcando uma mudança significativa em comparação com gerações anteriores.

A diversidade também se manifesta nas ideias sobre gênero e sexualidade. A Gen Z é mais propensa a conhecer pessoas que preferem pronomes neutros, indicando uma visão mais aberta e inclusiva. Isso se reflete em suas expectativas em relação à identificação de gênero em formulários online, onde 59% acreditam que deveriam haver opções além de “homem” e “mulher”.

Geração da solitude

Apelidada frequentemente de “geração mais solitária”, a Gen Z revela uma predisposição a sentimentos de solidão, atribuída em parte às mudanças na estrutura familiar e ao avanço tecnológico. Um estudo recente destaca que 73% dos membros da Gen Z se sentem sozinhos ocasionalmente ou sempre, o maior índice entre as gerações.

Esses sentimentos podem ter repercussões no ambiente de trabalho, com 72% relatando timidez e 71% sentindo que ninguém os compreende completamente.

Expectativas profissionais

 De acordo com o relatório realizado pela ThoughtExchange, Gen Z At Work (Geração Z no trabalho) a Gen Z traz consigo expectativas claras ao adentrar o mercado de trabalho, . Olha só:

  • 96% das pessoas colaboradoras da Geração Z dizem que é importante se sentir valorizado, incluído e empoderado no trabalho
  • 80% querem um trabalho que permita explorar e desenvolver novas habilidades, em vez de focar em uma só
  • 79% gostariam que o próprio gerente se importasse com o desenvolvimento pessoal deles tanto quanto o desenvolvimento profissional
  • 53% dizem considerar os benefícios do local de trabalho ao procurar uma nova função. Em média, funcionários da Geração Z estariam dispostos a aceitar um corte salarial de 19% se isso significasse que suas necessidades além do salário seriam atendidas
  • 39% buscam especificamente pela flexibilidade do trabalho remoto; 71% dos colaboradores em trabalhos remotos ou híbridos dizem que não voltariam a um local de trabalho totalmente presencial
  • A força de trabalho da Geração Z tem altas expectativas para os aspectos ambiental, social e administrativo no local de trabalho. 73% sairiam de uma empresa se as práticas comerciais dela não fossem éticas, enquanto 68% sairiam se a empresa não fosse sustentável, 62% por diferenças sociais e 58% por divergências políticas

Após analisar todos esses dados, pode surgir a pergunta: quais benefícios são ideais para atender às preferências dessa geração? Fique tranquilo, RH! Estamos aqui para orientar. 

Os benefícios mais desejados pela geração Z

Vamos mergulhar no mundo dos benefícios corporativos sob a perspectiva da Geração Z!

Estabilidade financeira 

Com experiência financeira, a Geração Z busca segurança e saberá se o salário e as vantagens estiverem abaixo do padrão. Tanto que 70% dos membros da geração descrevem o salário como o principal motivador. Colaboradores da Geração Z têm mais chances de valorizar vantagens como plano de saúde e benefícios de bem-estar, acima de vantagens como Vale Alimentação e Vale Refeição.

Ênfase em saúde e bem-estar

As características já citadas da Geração Z deixam claro que saúde e bem-estar são prioridades para eles. Ou seja, Benefícios Corporativos relacionados a esses cuidados são fundamentais na atração e retenção desses profissionais.

Flexibilidade 

A Geração Z entrou em um mundo do trabalho em que o trabalho remoto e híbrido já era amplamente aceito. Por conta disso, a flexibilidade no local de trabalho se tornou uma expectativa das pessoas colaboradoras desta geração.

Com mais de um terço dos formados da Geração Z buscando especificamente por contratos de trabalho flexíveis, as empresas devem buscar oferecer o máximo de flexibilidade possível para os próprios profissionais.

Benefícios Corporativos adicionais

Além disso, vale a pena oferecer programas de desenvolvimento profissional, mentoria, e até mesmo atividades de team building para fortalecer o ambiente de trabalho. Essa geração adora se desenvolver e valoriza um ambiente colaborativo. Com mais de um terço deles buscando contratos flexíveis, as empresas devem se esforçar para proporcionar o máximo de flexibilidade possível. Oferecer um ambiente que promova o equilíbrio entre trabalho e vida pessoal também é uma maneira certeira de conquistar a Geração Z.

(Visited 17 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.